Melhores práticas para uma inspeção de qualidade

Melhores práticas para uma inspeção de qualidade

A inspeção de qualidade é um processo de grande importância na produção e no trabalho agrícola. Essa etapa garante que o produto que vai chegar ao consumidor seja o melhor possível, diante de parâmetros bem definidos.

É necessário se apegar a práticas importantes para que essa inspeção seja feita com eficiência e realmente resulte em boas análises. Isso servirá para melhorar os processos da empresa.

Neste post você vai ver quais são as recomendações de melhores práticas e procedimentos para serem considerados em uma inspeção de qualidade. Confira!

Realize um planejamento prévio

Planejar-se é fundamental para qualquer processo, e na inspeção de qualidade isso não é diferente. Nesse momento será possível definir quais etapas e produtos serão avaliados, quem comandará as ações, quais tipos de inspeção serão feitos e quais colaboradores estarão envolvidos.

Sem essa preocupação, a tendência é que a inspeção não aconteça de forma organizada, o que pode atrapalhar muito o desempenho de um procedimento tão fundamental para a atuação estratégica da empresa. Fazer a inspeção de qualquer jeito não garante a qualidade do processo!

Defina parâmetros de qualidade

Ao realizar a inspeção e a avaliação, é fundamental ter um parâmetro de qualidade, pois só assim é possível fazer o comparativo e tirar conclusões precisas sobre o estado atual dos produtos.

Os parâmetros funcionam como uma espécie de ideia modelo do que seria o ideal para a empresa comercializar. Ou seja, qualquer produto que estiver abaixo disso está automaticamente reprovado durante a inspeção de qualidade.

Avalie etapas relevantes da produção

Determinadas etapas da produção tendem a ser as que geram mais complicações, ou seja, estão mais suscetíveis a estar abaixo dos parâmetros de qualidade desejados pela empresa. Dessa forma, essas etapas demandam de uma atenção especial.

O trabalho deve ser mais focado e especializado nesses pontos de produção ou de outras atividades que colocam os produtos sob maior risco de sair dos parâmetros mínimos de qualidade. Bons exemplos são as etapas de armazenamento, envio e recebimento de produtos.

Use as informações de forma estratégica

A inspeção de qualidade será um trabalho em vão se não for feita com um propósito bem definido e, principalmente, se não for dada uma continuidade diante dos resultados que forem obtidos. Tudo que for observado e as amostras colhidas devem ser estudadas para uma ação estratégica.

Se algo não estava conforme esperado, o motivo disso deve ser entendido com clareza. A inspeção precisa sempre visar a conformidade da qualidade e, se isso não está acontecendo, é preciso analisar o que foi feito de errado e solucionar. De nada vai adiantar inspecionar se os resultados não forem utilizados para melhorias ou para atestar o que está sendo feito de maneira certa.

Engaje os colaboradores na inspeção

O controle de qualidade é uma etapa fundamental para que as empresas do agronegócio se mantenham competitivas em um mercado tão exigente. Para que uma inspeção eficiente seja feita, os colaboradores envolvidos no processo precisam ter a real noção da importância dele.

A empresa deve trabalhar incansavelmente para mostrar aos colaboradores o quão é importante a inspeção de qualidade, fazendo com que eles se engajem com essa causa e estejam envolvidos com os resultados. Assim a empresa vai conseguir se manter sempre dentro dos parâmetros.

A inspeção de qualidade é uma etapa indispensável e decisiva para o sucesso da empresa agrícola a longo prazo. Conhecer essas boas práticas é fundamental para entregar o melhor ao consumidor.

Gostou deste post e de saber mais sobre esse assunto? Então entre em contato conosco e receba mais informações, e como a plataforma Frutag pode ajudar você a melhorar seus projetos!

Deixe uma resposta