Perdas no FLV

Perdas no FLV

Como Reduzir Com a Plataforma Frutag o Desperdício no seu negócio!

Frutas e hortaliças são muito sensíveis a variações de temperatura e umidade, tendo seu amadurecimento ligado inclusive a esses fatores. Essa sensibilidade faz com que existam muitas perdas no setor de FLV (frutas, legumes e verduras).

Esse processo se dá devido a presença de um composto volátil chamado etileno.

Agindo como um hormônio, o etileno pode ser encontrado na maioria dos frutos, controlando seu desenvolvimento, crescimento, amadurecimento e envelhecimento, variando sua concentração dependendo do estágio do fruto.
Pequena quantidade de etileno é suficiente para provocar mudanças substanciais na coloração do fruto e seu amadurecimento, por exemplo.

Se não controlado, pode causar inclusive efeitos indesejados como o amadurecimento prematuro, o desfolhamento e o amolecimento de frutos e hortaliças.


Reduzindo as perdas no setor de FLV

Na correria do dia a dia acabamos não dando a atenção necessária para a organização de métodos de controle da loja.

Produtos delicados, como frutas, legumes e verduras, são muito sensíveis e pedem atenção especial.

A equipe Frutag separou algumas medidas simples que podem ajudar você na redução de perdas em FLV.


Controle de Temperatura

Quando uma fruta está madura, ela libera uma quantidade maior de etileno, que afeta os outros frutos ao redor e acelera seu amadurecimento.
Como o etileno reage mais rapidamente em temperaturas mais altas, é muito importante que frutas e hortaliças sejam mantidas em ambientes resfriados, sob baixa concentração de oxigênio.


Controle de Umidade

Também deve-se ter atenção com os níveis de umidade do ambiente, pois se ela estiver muito baixa, acaba causando a desidratação do vegetal, já se for muito alta, aumenta a chance de ele passar do ponto.
Especialmente no verão, é importante acompanhar em tempo real as variações de temperatura e umidade. Medições feitas a cada duas horas não dão a visão real do que está acontecendo no tempo que o produto está exposto.

Algumas frutas, como mamão e banana, amadurecem muito mais rápido em temperaturas altas, podendo apodrecer muito rápido.

Outro problema, é que quando temos temperatura e umidade altas, os produtos estragam mais rápido, por causa dos riscos biológicos.

Os perigos biológicos estão diretamente ligados ao uso inadequado da temperatura para manter a conservação dos alimentos.

Quanto maior a temperatura, maior é a proliferação dos microorganismos causadores das Doenças Transmitidas por Alimentos, as DTAs.


Empilhamento Adequado

A Conservação desses itens ainda pode ser melhorada por meio de um empilhamento adequado que permita a circulação de ar no ambiente.

Nessas condições, a velocidade da ação química do etileno é reduzida, e seu processo de amadurecimento fica mais lento, reduzindo a atividade dos microrganismos e sua perda de água.

Concluindo

Com mudanças simples, principalmente no controle de temperatura e umidade com o sistema de check-list Frutag , além de ter um armazenamento adequado aos seus produtos, sem pesar muito e permitindo a circulação de ar entre os itens, é possível reduzir a perda e riscos de produtos.

Processos manuais são prejudiciais no controle do estoque de alimentos e devem ser trocados por métodos modernos que monitoram continuamente a temperatura e umidade das áreas de estoque.

Esse tipo de tecnologia permite que alarmes sejam enviados quando os locais de armazenamento não estão na temperatura adequada, evitando assim a perda de estoque e também, a comercialização de produtos estragados quando a energia cai e aumenta a temperatura, por exemplo.

Fique ligado nos nossos posts cadastre-se e receba materiais que vão ajudar o seu negócio crescer. frutag.com.br/blog

Até Mais!

Deixe uma resposta